Antigamente é que era bom!

Antigamente é que era bom! Talvez você venha repetindo ou ouvindo alguém repetir essa frase.

Isso pode acontecer de forma tão sutil, que muitas pessoas nem se dá conta de como essa expressão está destruindo seus sonhos. Basta depararmos com alguma dificuldade que o nosso inconsciente trás a tona o pensamento: “antigamente é que era bom”.

Essa frase para muitas pessoas ajudam na inatividade e atenua os insucessos. “Antigamente é que era bom”, é uma excelente justificativa para os fracassados permanecerem com suas procrastinações. Estamos vivendo nossas melhores versões e esse é o melhor momento do planeta para cumprirmos nossas missões.

Mesmo com toda tecnologia atual e a informação chegando quase que instantaneamente, muitas pessoas repetem em coro: “antigamente é que era bom”. Observando o comportamento negativo dessas pessoas, fico imaginado, se vivessem nos dias atuais com toda tecnologia e informação a disposição, pessoas como:

Thomas Alva Edison

O impacto que sua invenção tem sobre a humanidade é incalculável. A lâmpada elétrica transformou uma sociedade que vivia e trabalhava apenas durante o dia, em uma sociedade que funciona 24 horas.

Imaginem o que isso significa em termos de expansão das oportunidades educacionais, de trabalho e de lazer. Revolucionou o setor industrial e ainda impacta todos os setores da atividade humana.


Henry Ford

“Naquele tempo que era bom”, Henry Ford fracassou e foi à falência cinco vezes antes de, finalmente, ser bem-sucedido. Na verdade, durante todo seu percurso entre suas constantes quedas até atingir sua ascensão Ford foi vitima de críticos que diziam que NUNCA o homem substituiria os cavalos por máquinas.

Algumas das suas celebres frases: “O insucesso é apenas uma oportunidade para recomeçar de novo com mais inteligência.” “Não encontro defeitos. Encontro soluções. Qualquer um sabe queixar-se”.

O cenário em que Ford estava inserido, para muitos parecia improvável para o sucesso. No século 20 ninguém apostava em um futuro promissor para o automóvel. Muitos diziam que seriam máquinas difíceis de manobrar e impossível de funcionar.

Não para Henry Ford que criou uma moderna fábrica e construiu um carro simples, acessível e fácil de usar. Lançado em 1908, a 850 dólares cada, o Modelo T foi um sucesso e foram vendidos 15 milhões em cerca de 20 anos.


Nikolas Tesla

Inventor nos campos da engenharia mecânica e eletrotécnica, de etnia sérvia nascido na aldeia de Smiljan, Vojna Krajina, no território da atual Croácia. As patentes de Tesla e o seu trabalho teórico formam as bases dos modernos sistemas de potência eléctrica em corrente alterna (AC), incluindo os sistemas de distribuição de energia multifásicos e o motor AC, com os quais ajudou na introdução da Segunda Revolução Industrial.


Louis Pasteur

Um dos maiores cientistas da história, sendo lembrado por suas notáveis descobertas das causas e prevenções de doenças. Suas descobertas reduziram a mortalidade de febre puerperal, e ele criou a primeira vacina para a raiva. Seus experimentos deram fundamento para a teoria microbiológica da doença.

Foi mais conhecido do público em geral por inventar um método para impedir que leite e vinho causem doenças, um processo que veio a ser chamada pasteurização. Pasteur também fez muitas descobertas no campo da química, principalmente a base molecular para a assimetria de certos cristais.

Entretanto se engana quem pensa que Pasteur era considerado um gênio em sua época. Em 1842 obteve o bacharelado em ciências, em Besançon, sendo-lhe atribuída a nota de “medíocre” em química. Suas ideias e pensamentos avançados sobre assuntos que a maioria desconhecia eram considerados tolices por seus superiores e colegas. No final das contas, o tempo se encarregou de mostrar quem era verdadeiramente tolo.


Albert Einstein

Suas descobertas provocaram uma verdadeira revolução do pensamento humano, com interpretações filosóficas das mais diversas tendências. Muitos conhecem o gênio, porém poucos conhecem a sua história e a dificuldade no seu caminho.

Einstein apresentava dificuldades na fala, conseguindo falar pela primeira vez aos quatro anos de idade. Seu professor o descreveu como “mentalmente lento, não sociável e sempre perdido em seus sonhos.” Foi expulso da escola e recusado na Escola Politécnica de Zurique. Era um “caso perdido” segundo seus mestres.

Antes da comprovação da sua Teoria em 1919, Einstein era dito no meio cientifico como sonhador, muitas vezes, alvo de deboches e chacotas. O fato é que hoje, Einstein marcou o seu nome na história como uma das pessoas mais inteligente que já pisaram na superfície terrestre.


Leonardo Da Vinci

Cientista, matemático, engenheiro, inventor, anatomista, pintor, escultor, arquiteto, botânico, poeta e músico italiano entre os séculos 15 e 16. Foi ainda precursor de equipamentos como a bicicleta, o canhão, o submarino e o paraquedas. Com suas criações e obras, Da Vinci deixou um legado imensurável em relação à ciência e à cultura moderna.


René Descartes

Matemático, físico e filósofo francês do século 17. É considerado o pai da matemática moderna, ao propor a fusão da geometria com a álgebra, o que gerou a geometria analítica e o sistema de coordenadas. As duas áreas são referência até hoje no ensino das ciências exatas.

Outra importante inovação para o pensamento científico foi o método cartesiano, que se vale de etapas e da racionalidade para chegar a ideias claras e distintas. Tal metodologia foi fundamental não somente para a filosofia, mas também para as ciências em geral.


Wolfgang Amadeus Mozart

Gênio precoce, com personalidade musical complexa e sedenta por liberdade. Talvez seja esta a melhor maneira de definir Wolfgang Amadeus Mozart que nasceu como Johannes Chrysostomus Wolfgang Gottlieb Mozart, no dia 27 de janeiro de 1756, em Salzburgo, na Áustria. Desde pequeno revelou extraordinária vocação musical. Seu poderoso talento criador dava-lhe uma expressão versátil.

Compôs sua primeira ópera, “As bodas de Fígaro” no ano de 1786, com a ajuda do poeta italiano Lorenzo da Ponte. Embora sem muito sucesso na cidade de Viena, a obra atraiu a atenção de muitas pessoas na cidade de Praga. Recebeu uma encomenda para elaborar uma nova ópera. O resultado foi “Don Giovanni”, considerada por muitos especialistas sua grande ópera.

Mesmo com o sucesso de suas obras, começa a enfrentar problemas financeiros no final da década de 1780. Para complicar ainda mais a situação, sua saúde e a de sua esposa começam a apresentar problemas. No ano de 1791, compõe as duas últimas obras de sua vida, as óperas “A Clemência de Tito” e “A flauta mágica”. Com a saúde debilitada, morreu com apenas 35 anos de idade.


Grace Murray Hopper

Nasceu em Nova York em 09 de dezembro de 1906. Na sua família os estudos eram considerados como fundamentais para o desenvolvimento pessoal. A família acreditava que homens e mulheres deveriam ter as mesmas oportunidades.

Dra. Grace Murray Hopper, uma contra-almirante da Marinha dos EUA, também era um cientista da computação que inventou COBOL “, o primeiro programa de computador negócio user-friendly”. Ela também foi a primeira pessoa a usar a expressão “bug” para descrever uma falha em um sistema de computador, depois de encontrar uma traça real causando problemas em seu computador.


Esses são alguns espíritos geniais que também viveram suas melhores versões e aproveitaram a passagem nesse plano para o aprimoramento da alma. Nos dias atuais não encontrariam os mesmos gatilhos e as armadilhas que lhes impulsionaram para suas grandes realizações. São espíritos elevados que aproveitaram suas estadias nesse plano e colocaram em prática seus projetos sagrados.

De uma coisa podemos ter certeza, se vivessem nos dias atuais não estariam se lamentando do passado e nem projetando futuros melancólicos. Não estariam dizendo em coro: “antigamente é que era bom”.

Portanto, faça do Hoje o seu melhor momento! Deixe somente marcas de Amor como pegadas para serem seguidas pelos seus descendentes. Assim, você estará criando um lindo enredo nesse palco da vida. E quando a cortina dessa peça teatral se fechar você será aplaudida de pé.

Um grande abraço e gratidão sempre.

Se esse artigo fez sentido para você, partilhe sua opinião conosco na seção de comentários abaixo. E não se esqueça de compartilhar o link em suas redes sociais. 

Antigamente é que era bom!
5 (100%) 1 vote

Receba Grátis o Ebook: Guia Prático Para Uma Vida Feliz

wilson Pereira Figueredo

Psicólogo e Psicoterapeuta Holístico com Especialização: Saúde mental e Tanatologia Autor dos Livros: Escola da Vida... Caminho para a Felicidade - O Grande Encontro - Câncer... Por que Comigo?

Website: http://simplesmentehoje.com/

Deixe o seu comentário